Recomeçar 

Não importa onde você parou,
em que momento da vida você cansou,

o que importa é que sempre é possível

e necessário “Recomeçar”.
Recomeçar é dar uma nova

chance a si mesmo.

É renovar as esperanças na vida

e o mais importante:

acreditar em você de novo.
Sofreu muito nesse período?

Foi aprendizado.
Chorou muito?

Foi limpeza da alma.
Ficou com raiva das pessoas?

Foi para perdoá-las um dia.
Sentiu-se só por diversas vezes?

É por que fechaste a porta até para os outros.
Acreditou que tudo estava perdido?

Era o início da tua melhora.
Pois é!

Agora é hora de iniciar,

de pensar na luz,

de encontrar prazer nas coisas simples de novo.
Que tal um novo emprego?

Uma nova profissão?

Um corte de cabelo arrojado, diferente?

Um novo curso,

ou aquele velho desejo de aprender a pintar,

desenhar,

dominar o computador,

ou qualquer outra coisa?
Olha quanto desafio.

Quanta coisa nova nesse mundão

de meu Deus te esperando.
Tá se sentindo sozinho?

Besteira!

Tem tanta gente que você afastou

com o seu “período de isolamento”,

tem tanta gente esperando apenas um

sorriso teu para “chegar” perto de você.
Quando nos trancamos na tristeza nem

nós mesmos nos suportamos.

Ficamos horríveis.

O mau humor vai comendo nosso fígado,

até a boca ficar amarga.
Recomeçar!

Hoje é um bom dia para começar

novos desafios.
Onde você quer chegar?

Ir alto.

Sonhe alto,

queira o melhor do melhor,

queira coisas boas para a vida.

pensamentos assim trazem para nós

aquilo que desejamos.
Se pensarmos pequeno,

coisas pequenas teremos.
Já se desejarmos fortemente o melhor

e principalmente lutarmos pelo melhor,

o melhor vai se instalar na nossa vida.
E é hoje o dia da Faxina Mental.
Joga fora tudo que te prende ao passado,

ao mundinho de coisas tristes,

fotos,

peças de roupa,

papel de bala,

ingressos de cinema,

bilhetes de viagens,

e toda aquela tranqueira que guardamos

quando nos julgamos apaixonados.

Jogue tudo fora.

Mas, principalmente,

esvazie seu coração.

Fique pronto para a vida,

para um novo amor.
Lembre-se somos apaixonáveis,

somos sempre capazes de amar

muitas e muitas vezes.

Afinal de contas,

nós somos o “Amor”.

Hoje, estou recomeçando. 

Anúncios

Para Começar o Mês Bem !

large (1)

Girassol

Nossos olhos são seletivos, nós “focalizamos” o que queremos ver e deixamos de ver o restante.

Escolha focalizar o lado melhor, mais bonito, mais vibrante das coisas, assim como um girassol escolhe sempre estar virado para o sol!

Você já reparou como é fácil ficar baixo astral?

“Estou de baixo astral porque está chovendo, porque tenho uma conta para pagar, porque não tenho exatamente o dinheiro ou aparência que eu gostaria de ter, porque ainda não fui valorizado, porque ainda não encontrei o amor da minha vida, porque a pessoa que quero não me quer, porque… “

 

É claro que tem hora que a gente não está bem. Mas a nossa atitude deveria ser a de uma antena que tenta, ao máximo possível, pegar o lado bom da vida.

Na natureza, nós temos uma antena que é assim. O girassol.

O girassol se volta para onde o sol estiver. Mesmo que o sol esteja escondido atrás de uma nuvem.

Nós temos de ser mais assim, aprender a realçar o que de bom recebemos. Aprender a ampliar pequenos gestos positivos e transformá-los em grandes acontecimentos. Temos de treinar para sermos girassol, que busca o sol, a vitalidade, a força, a beleza.

Por que só nos preparamos para as viagens, e não para a vida, que é uma viagem?

Apreciar o amor profundo que alguém em um determinado momento dirige a você.

Apreciar um sorriso luminoso de alegria de alguém que você gosta.

Apreciar uma palavra amiga, que vem soar reconfortante, reanimadora.

Apreciar a festividade, a alegria, a risada.

E quando estivéssemos voltando a ficar mal humorados, tristonhos, desanimados, revoltados, que pudéssemos nos lembrar de novo se sermos girassóis.

Selecione o melhor deste mundo, valorize tudo o que de bonito e bom que haja nele e retenha isto dentro de você. É este o segredo de quem consegue manter um alto grau de vitalidade interna!

Um pouco de Drama…

tumblr_mqj0vdsfrQ1rp25b8o1_400

Eis que hoje me sinto como o esgoto do mundo.

Parece trágico, dramático, exagerado.

Pense: o esgoto faz parte da civilização, é uma consequência inevitável.

Logo, eu sou inevitável no meu estado de hoje.

Como inevitável, não implica em imutável. Posso deixar de ser/sentir-me como um esgoto.

Todavia, para tal, seria indispensável duas atitudes:

1) Evitar que resíduos continuem a ser despejados em mim, que como pura, torno-me esgoto do mundo. Isso acontece porque ele joga tudo de que precisa livrar-se para mim. Não faz sentido ir ao passo dois antes de cumprir este passo. É um passo muito válido porque eu poderia ser boa e especial se não fossem essas bactérias e substâncias patogênicas despejadas e mim. Tais como raiva, rancor, impaciência, arrogância, desmazelo, opressão, dentre outros.

2) Uma vez que já sou esgoto, preciso de um sistema de tratamento específico para livrar-me desse estado. Quem sabe, um pouquinho de atenção dos mais íntimos, quem sabe, visualizar uma luz no fim do túnel, quem sabe, sentir que não é uma ilusão a idéia de que posso voltar a ser pura em meu “núcleo” mais completo e simples, quem sabe, ser útil ao mundo.

Neste momento, há de se voltar ao passo um. Porque dá muito trabalho tratar das águas residuais do mundo – o esgoto. Então, seria bastante imponderável permitir tornar-me esgoto novamente e precisar trabalhar nisso. Permanecer repetindo, repetindo, repetindo…Realmente, não compreendo a lógica disso, apesar de ser o comportamento mais comum.

Pensar a respeito dessas sugestões pode desinfetar o mundo de muitos esgotos que não precisavam estar nesse estado, mas sim, abarrotados de funções positivas e brilho cristalino.

Todo Dia é Menos um Dia

tumblr_lfhzsos3ix1qdx30lo1_500

Todo dia é menos um dia;
menos um dia para ser feliz;
é menos um dia para dar e receber;
é menos um dia para amar e ser amado;
é menos um dia para ouvir e, principalmente, calar!

Sim, porque calando nem sempre quer dizer
que concordamos com o que ouvimos ou lemos,
mas estamos dando a outrem a chance de pensar,
refletir, saber o que falou ou escreveu.

Saber ouvir é um raro dom, reconheçamos.
Mas saber calar, mais raro ainda.
E como humanos estamos sujeitos a errar.
E nosso erro mais primário, é não saber
ouvir e calar!

Todo dia é menos um dia para dar um sorriso.
Muitas vezes alguém precisa, apenas de um sorriso
para sentir um pouco de felicidade!

Todo dia é menos um dia para dizer:
– Desculpe, eu errei!
Para dizer:
– Perdoe-me por favor, fui injusto!

Todo dia é menos um dia;
Para voltarmos sobre os nossos passos.
De repente descobrimos que estamos muito longe
E já não há mais como encontrar
onde pisamos quando íamos.
Já não conseguiremos distinguir nossos passos
de tantos outros que vieram depois dos nossos.

E se esse dia chega, por mais que voltemos,
estaremos seguindo um caminho, que jamais
nos trará ao ponto de partida.

Por isso use cada dia com sabedoria.
Ouça e cale se não se sentir bem.
Leia e deixe de lado, outra hora você vai conseguir
interpretar melhor e saber o que quis ser dito.

Carlos Drummond de Andrade

A Elegância do Comportamento

557034_504013276334564_1372114022_n

Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara: a elegância do comportamento.

É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado diante de uma gentileza.

É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto.

É uma elegância desobrigada.

É possível detectá-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam.

Nas pessoas que escutam mais do que falam.

E quando falam, passam longe da fofoca, das maldades ampliadas no boca a boca.

É possível detectá-las nas pessoas que não usam um tom superior de voz.

Nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros.

É possível detectá-la em pessoas pontuais.

Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem cumpre o que promete e, ao receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem está falando e só depois manda dizer se está ou não está.

É elegante não ficar espaçoso demais.

É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao de outro.

É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais.

É elegante retribuir carinho e solidariedade.

Sobrenome, joias, e nariz empinado não substituem a elegância do gesto.

Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo, a estar nele de uma forma não arrogante.

Pode-se tentar capturar esta delicadeza natural através da observação, mas tentar imitá-la é improdutivo.

Educação enferruja por falta de uso.

“LEMBRE-SE de que colheremos, infalivelmente aquilo que houvermos semeado.
Se estamos sofrendo, é porque estamos colhendo os frutos amargos das sementeiras errôneas. Fique alerta quanto ao momento presente. Plante apenas sementes de sinceridade e de amor, para colher amanhã os frutos doces da alegria e da felicidade. Cada um colhe, exatamente, aquilo que plantou.”

Sinceramente

tumblr_l7dhsdXbJ41qd745yo1_500_large

Vivo num momento em que menos é mais e mais,nem sempre vem para somar. Ao longo da minha adolescência e durante essa transição para a fase adulta, aprendi que nada é concreto e que existem fins mais curtos que o vídeo do Instagram.

Percebi também que aquela música dramática tem drama demais pra uma vida só e que aquela cor que não ficava bem em mim, hoje é a que eu mais uso.

Parei de querer coisas no qual o destinatário não sou eu. Tudo que pertence a mim, virá a mim, mesmo que seja na velocidade da tartaruga. É clichê? É, mas é o real.

Esqueci o que eu já era pra ter esquecido. Esqueci até que ele me fez mal umas “trocentas” vezes e que eu fui uma idiota e perdoei de novo, de novo e de novo, e no final não era nem amor o que eu sentia e sim carência excessiva e o pensamento de que “se não for ele, não vai ser mais ninguém / sem você a vida é tão sem graça”.

Dei um basta em toda paranóia de perfeição e disse oi para os erros, que no final servem de lição e sempre deixam um certo aprendizado.

Comecei a dar ouvidos as minhas próprias vontades e resolvi deixar a minha autoconfiança ver o sol nascer novamente. Dei uma nova chance pra mim mesma, pra uma nova vida.

E tudo mudou quando eu descobri o amor, o amor próprio. O amor que estava debaixo da minha cama, se protegendo do medo que sempre o assustava, toda vez que tentava algo novo.

E nessa minha chegada aos 18 acredito e afirmo que hoje posso tudo. Que hoje eu posso mais que ontem e assim sucessivamente. Apesar de toda dificuldade no meio do caminho, um dia eu chego lá.

A Alegria é Uma Viagem

tumblr_m9xk9ut1cp1redzdgo1_500

A alegria é uma viagem, não um destino

aproveite todos os momentos que você tem, e

aproveite-os mais se você tem alguém especial para compartilhar,

especial o suficiente para passar seu tempo…

E lembre-se que o tempo não espera ninguém.

Portanto, pare de esperar até que você termine a faculdade;

ou até que você volte para a faculdade;

até que você perca 5 quilos;

até que você ganhe 5 quilos;

até que você tenha tido filhos;

até que seus filhos tenham saído de casa;

até que você se case;

até que você se divorcie;

até sexta à noite;

até segunda de manhã;

até que você tenha comprado um carro ou uma casa nova;

até que seu carro ou sua casa tenham sido pagos;

Até o próximo verão, primavera, outono, inverno;

até que você esteja aposentado;

até que a sua música toque;

até que você tenha terminado seu drink;

até que você esteja sóbrio de novo;

até que você morra,

e decida que não há hora melhor para ser feliz do que AGORA MESMO…

A alegria é uma viagem, não um destino.

Curta o seu dia que estará cheio de coisas boas!

Carpe Diem já!